Por Niágara Braga

O calendário de todo o mundo reconhece 13 de fevereiro como o Dia Mundial do Rádio. E esse objeto merece mesmo uma data só dele pois foi uma das grandes invenções da humanidade. Foi o marco inicial para a revolução da Comunicação Social que, futuramente, iria permitir que pessoas de lados opostos do mundo se comunicassem em tempo real.

Com o passar do tempo e com a invenção de novas tecnologias, surgiram dúvidas se o rádio teria um fim e se tornaria obsoleto. Mas a verdade é que ele se reinventou, se adaptou e se atualizou junto com as tendências modernas e digitais.

Daquele antigo e grande aparelho que se colocava em destaque na sala, evidenciando o objeto de ostentação, migrou para dispositivos cada vez menores, portáteis, que cabem no bolso e no carro.

Mas só isso não foi suficiente. A revolução digital chegou com força e foi preciso reinventar ainda mais. Então, os comunicadores perceberam que o rádio não precisa estar limitado a um dispositivo, o que caracteriza o rádio é sua linguagem!

A linguagem falada, rápida, informativa. Aquela que pode te acompanhar enquanto faz suas tarefas de casa, dirige até o trabalho, faz exercícios ou qualquer outra atividade que lhe disponibilize os ouvidos atentos.

Entendendo isso, o rádio conseguiu se conectar com a tecnologia digital, inovando em seus formatos, mas continuando sempre útil para seus ouvintes. E isso é o que chamamos hoje de poadcasts!

Conforme pesquisa realizada pelo IBOPE em 2019, cerca de 50 milhões de brasileiros já ouviram poadcasts. O público fiel destes programas online só aumenta. E muitas pessoas chegam mesmo a dar preferência a este formato de linguagem para se informar em detrimento de outros, como televisão, jornal impresso ou internet.

E você, acompanha algum poadcast? Confira aqui 5 poadcasts para você ficar atualizado nas notícias!

Gostou desse bate-papo? Então nos segue no Instagram @usinadenoticias para mais dicas como essa e para trocarmos ideias e energia!

Deixe um comentário

cinco × três =